Natureza Intima

“A conexão verdadeira entre duas almas femininas move montanhas, convoca o sol a brilhar, transforma o caminho dos rios e cria coisas inimagináveis”

Clarissa Pinkola Estés

Natureza íntima

por elas

Acredito que a melhor maneira de conhecer o Natureza Íntima é escutar a experiência de quem vivenciou. As mulheres que passaram por atendimentos, vivências e meditações vão formando parte de uma comunidade que se nutre, acolhe e cresce junto.
Fernanda Papa
Fernanda Papa
O trabalho da Maria é um espaço precioso de aproximação com aspectos adormecidos, não exercitados, esquecidos, escondidos, ainda não conhecidos, quiçá rejeitados, do feminino que existe em cada mulher. Ela é a facilitadora que conduz com sabedoria e intuição os caminhos possíveis para este reencontro. Não há fórmula, o caminho é se entregar de verdade. E não ter vergonha de ser quem se é.
LucianaBazanella
Luciana Bazanella
Co-fundadora White Rabbit
Em um mundo marcado por disrupções simultâneas e aceleradas, os aspectos femininos da liderança aparecem como um verdadeiro bálsamo para (re)pensar e construir as organizações do futuro. Não é exagero afirmar que na minha visão de mundo destes desafios o livro Natureza Íntima foi um divisor de águas tanto nas minhas práticas pessoais quanto na forma de propor inovação nas empresas. Recomendo fortemente!
Shirley Leela
Shirley Leela
CEO Makeda Cosméticos
Eu estou com a Maria já há dez anos. Ela faz um trabalho muito bonito, que conecta mulheres sensacionais. Ela gera uma conexão muito forte, muito bonita e isso proporcionou para mim uma força muito grande. Dá uma sensação de que você não está sozinha, de que mesmo nos momentos de desafio, você sempre pode se conectar com outra mulher, que elas mesmo vão se unir para te ajudar. Eu posso dizer que estar com a Maria e ter essa conexão com outras mulheres mudou a minha vida.
IMG_7819
Lunna Lima
Psicóloga
Eu sinto que cresci tanto como ser humano, mulher e mãe na Jornada da Puérpera! Tantos medos e inseguranças que eu carreguei uma vida toda e finalmente consegui entender. Tantas coisas que carrego comigo e consegui finalmente deixar para trás. Gestar e maternar são grandes oportunidades de evoluirmos como pessoas. Que bom que vivi a Jornada da Puérpera, que me ajudou a organizar tudo isso que tenho visto e sentido.
image0
Cris Balzano
Eu estava em um ano muito difícil, venho de um processo de menopausa, separação e uma preparação para a saída do meu filho mais novo de casa. Sonhei algumas vezes com a Maria, sangue de menstruação, então veio uma forte conexão com ela. Participei de algumas meditações e senti uma abertura pro mundo e me veio muita coisa de atividade profissional. Tive ideias muito criativas que to colocando em prática, projetos novos…
image1
Isabel Pedreira
Fico feliz de ver sua sabedoria chegando a muitas mulheres. Uma sabedoria linda e livre, libertadora. É muito libertador quando começamos a nos olhar a partir do que você nos traz!
Carol Briso
Carolina Briso
Participei de muitas práticas com a Maria, mas as duas que mais marcaram foram o retiro e as meditações diárias. Eu pude aprofundar em questões importantes e sensíveis. Acessei emoções e sentimentos difíceis de serem acessados no dia a dia ou mesmo em outras terapias. Acessei minha ancestralidade, resolvi conflitos com minha mãe, Aprendi a me escutar, entender as minha vontades, buscar prazeres no meu dia a dia.
Juliana Dutra
Juliana Dutra
É muito lindo quando mulheres se unem em círculos para acolhimento, apoio e cura mútua. É muito poderosa essa energia. Nosso último encontro foi muito especial para mim, trouxe à tona muito lixo emocional, o que nunca é uma coisa agradável no momento, mas estava absolutamente segura com a força, presença, e capacidade das mulheres maravilhosas que conduzem o grupo. Ali eu me dei conta do que precisava desintoxicar, ali fui assistida e acolhida para dar conta e ali esvaziei para o novo.
foto andrea
Andrea Fortes
Para mim, Maria sempre teve ares maternos. Também de irmã que dá colo e aterra. Ela me acolheu, ajudou a colar pedaços e me provocou a sonhar o inimaginável. Me apresentou o tarô das deusas, o plantar a lua e me reapresentou ao meu poder feminino. Gosto de tê-la por perto, de sentir sua força e suavidade, de me ver espelhada nessa admirável curandeira do feminino.

Larissa Colombo

Ingrid Sachs

Paola Higa